Make your own free website on Tripod.com
Maiores Picos do Brasil

1.Pico da Neblina 3014m Amazonas

Na distante Serra do Imeri, norte do Amazonas, a mais alta montanha do país quase fica fora dele: seu cume está a apenas 687 metros da fronteira com a Venezuela.


2.Pico 31 de março 2992m Amazonas

Na mesma Serra do Imeri, tem acesso tão complicado quanto o vizinho Neblina. E preciso vencer rios e trilhas lamacentas, durante vários dias, para atingir o seu topo uma aventura mais realizada por militares.


3.Pico da Bandeira 2890m Minas Gerais

Ponto culminante da Serra do Caparaó, no Espirito Santo, o Bandeira é a mais acessível das montanhas brasileiras: o ideal é chegar ao topo com o raiar do dia, depois de algumas horas de trilha íngreme dentro do parque nacional do Caparaó.



4.Monte Roraima 2875m Roraima

Um dos mais antigos e exóticos lugares do planeta, integra o grupo dos tepuis, montanhas de desenhos raros e que começaram a ser formadas há cerca de 2 bilhões de anos, todas na América do Sul. Apenas 10% do Roraima fica em território brasileiro, e o resto se divide entre a Venezuela e a Guiana. A parte alta da montanha é um imenso platô tomado por rochas escuras de forma bizarras.



5.Pico do cruzeiro 2861m Minas Gerais

E a segunda maior montanha do Parque Nacional do Caparaó.


6.Pico do cristal 2798m Minas Gerais

E o terceiro maior pico do Parque Nacional do Caparaó.



7.Pico da Agulhas Negras 2787m Rio de janeiro

O ponto mais alto da serra da Mantiqueira é destino de trekkers mais ousados no Parque de Itatiaia. O nome vem das ranhuras formadas no bloco de rocha do pico, cuja sombra fina e escura lembra o desenho de agulhas.



8.Pico da Calçada 2766m Minas Gerais

E o quarto maior pico do Parque Nacional do Caparaó



9.Pico Três Estados 2665m Rio de Janeiro


10.Pico do Papagaio 2297m Minas Gerais

O Brasil é um país de escassas altitudes. Apenas 0,5% dos 8,5 milhões de quilômetros quadrados de seu território fica acima dos 1.200metros. Por ser um país de terrenos cristalinos e muito antigo a ação erosiva que ao longo de milhões de anos desgastou suas estruturas geológicas mais salientes.